O ensino da fé cristã na Península Ibérica
(séculos XIV, XV e XVI)

Buscar por

50 de 50 documento(s) encontrado(s)


Calila e Dimna

Por volta de 1251, o futuro Afonso X, ainda infante, patrocina a tradução de Calila e Dimna, reelaboração de uma antiga coleção de contos hindus, que havia feito uma longa jornada pelo Oriente

Ver
Tratado provechoso

O Tratado provechoso que demuestra como en el vestir y calçar comúnmente se cometen muchos pecados, y aún tanbién en el comer y en el beber foi escrito, em 1477, pelo jeronimita Hernando de Talavera (1428-1507), enquanto ainda era prior do monastério de Santa Maria de Prado, extramuros da vila de Valladolid, e impresso, mais tarde, em 1496, com algumas alterações, na Breve y muy provechosa doctrina de lo que debe saber todo christiano con otros tractados muy provechosos, todos de ria do primeiro arcebispo de Granada e expressivos do seu intento pastoral

Ver
O Espéculo / El Espéculo

Quando Afonso X de Castela assume o poder, em 1252, os direitos locais predominam no reino – fueros, fazañas –, com exceção de Leão, Toledo, Córdoba, Sevilha e Múrcia que são regidos pelo Direito herdado dos Visigodos – Liber iudicum, Fuero juzgo –, completado pelos conselhos

Ver
Sinodal de Aguilafuente

No começo do mês de junho de 1472 quando gozava de prestígio junto à corte do rei D. Henrique IV e assumia um importante papel na Coroa como reformador dos costumes eclesiásticos D. Juan Arias Dávila celebrou seu primeiro sínodo na diocese de Segóvia.

Ver
Sendebar ou livro dos enganos das mulheres

Em 1253, foi composta a versão castelhana do Sendebar, cuja tradução do árabe foi encomendada pelo Infante Fadrique, irmão de Afonso X “O Sábio”

Ver
As Sete Partidas / Las Siete Partidas

As Sete Partidas são um Código de Direito, ordenado pelo rei Afonso X de Castela, elaborado entre 1256 e 1265 com o nome de Libro del Fuero, ou Fuero de las Leyes, dividido em sete partes ou “Livros”

Ver
Livro da Vertuosa Benfeytoria (LVB)

Tratado político-moral escrito pelo infante D. Pedro e pelo seu confessor Frei João Verba, resultado de ampliação da tradução do De Beneficiis, de Séneca.

Ver
Evangelhos e Epístolas com sua exposição em romance

A ria da obra é objecto de discussão, sendo atribuída ou a Guilherme Parisiense ou, em alguns catálogos alemães, ao dominicano alemão Johannes Herold

Ver
Arte de Bien Morir y Breve confessionário

Um número expressivo de volumes circulou no século XV com o título Ars moriendi ou Arte de morrer, em duas versões, claramente inspiradas pela terceira parte do Opus tripartitum do teólogo parisiense Jean Gerson (1363-1429), sobre a “ciência de bem morrer”, escrito concebido para uso dos sacerdotes no amparo espiritual aos morrentes

Ver
Vida de Santa Maria Egipcíaca

Narrativa hagiográfica grega, atribuída a Sofrónio, bispo de Jerusalém (m. 638). Foi posteriormente traduzida para latim e, a partir daí, para as línguas europeias.

Ver